financas

Fluxo de caixa nas fazendas: para fazer e usar!

Há alguns dias atrás publicamos um artigo sobre os primeiros passos para o planejamento financeiro da fazenda e dissemos que nessa semana iriamos apresentar um exemplo prático de fluxo de caixa, como forma de mostrar algo simples e que possa ajudar no dia a dia do pecuarista que necessita iniciar sua organização financeira.

O objetivo é ajudar o pecuarista pouco familiarizado com o assunto a fazer seu fluxo de caixa, ou seja, um fluxo de entrada e saída simples para que possa entender suas movimentações financeiras e começar a evoluir pouco a pouco em sua caminhada para um controle mais apurado de seu negócio.

O primeiro passo para o pecuarista iniciar seu fluxo de caixa é anotar, em uma planilha no computador ou no caderno mesmo, todas as movimentações financeiras que aconteceram no período de tempo que julgar relevante, seja diário, semanal ou até mensal. No exemplo que iremos apresentar vamos colocar o exemplo diário.

Nesse caso, em uma tabela simples  o pecuarista deve lançar todas suas entradas e saídas dia a dia como no exemplo apresentado ao final deste artigo. O pecuarista deve iniciar uma tabela diária para cada mês, ou seja, haverá uma tabela para as movimentações financeiras de janeiro, fevereiro e assim por diante.

Muita informação pode ser obtida apenas descrevendo e organizando diariamente todas as suas entradas (receitas) e saídas (custos), sejam elas quais forem (veja exemplo fictício na tabela ao final deste artigo).

O primeiro passo para desenvolvermos um fluxo de caixa é definir um ponto de partida. Por exemplo, se iremos iniciar o fluxo de caixa em janeiro (dia 1 de janeiro) é fundamental que iniciemos o fluxo com o saldo em conta do dia anterior ao início do fluxo de caixa. Nesse caso, como elegemos o dia 1 de janeiro para início do fluxo de caixa, devemos apresentar como saldo inicial o valor em caixa do dia 31 de dezembro (dia anterior) e iniciar as movimentações financeiras de entradas e saídas sobre este saldo inicial.

Após definido o saldo inicial do fluxo de caixa e o período de análise o desafio é basicamente da rotina de apontar todas as movimentações financeiras da fazenda (todas receitas e custos diários devem ser apontados e descritos). Com esses apontamentos corretos, teremos ao final do dia a margem operacional do dia (no exemplo descrita como “saldo do dia”) e o saldo final do dia (que leva em conta o saldo inicial e os saldos dos dias anteriores, ou seja, o valor disponível em conta do pecuarista).

Como mencionamos acima, o saldo final do dia é uma informação de extrema relevância, pois posiciona o pecuarista sobre seu caixa naquele momento e se eventualmente ele possa ficar negativo caso faça alguma compra ou investimento de valor acima de suas possibilidades naquele momento. Em outras palavras, com o fluxo de caixa atualizado e correto, o pecuarista passa a administrar seu caixa, evitando ou ao menos aumentando as chances de mantê-lo equilibrado,  programando melhor suas compras e igualmente buscando encaixar melhor suas vendas, aproveitando melhor as oportunidades do mercado. Com todo esse planejamento, o pecuarista minimiza as chances de enfrentar algum juro bancário, risco de inadimplência ou pedido de recurso financeiro a terceiros.

O importante é destacar que, a partir da análise rotineira do fluxo de caixa, o pecuarista começará a identificar custos e mesmo receitas recorrentes (aquelas que acontecem periodicamente, como aluguel, folha de pagamento, conta de telefone, luz entre outros) e poderá programar (estimar) seu fluxo de caixa futuro, um passo para o processo orçamentário que iremos discutir em breve.

Leitor, veja com detalhes o exemplo de fluxo apresentado ao final do artigo e em caso de dúvidas por favor entre em contato conosco. Será um prazer discutir melhor o assunto.

Na próxima semana iremos continuar com temas relacionados a gestão e controle financeiro de fazendas. Fique atento, cadastre-se e fique informado com a Farmnews!

A Farmnews é uma parceria com a Farmlogics – http://www.farmlogics.com.br– que disponibiliza recursos de controle online de rebanho e recursos de gestão de informação na fazenda de pecuária de corte. Acesse, cadastre-se e saiba mais!

fluxo cx

 

 

 

 

Fluxo de caixa nas fazendas: para fazer e usar! was last modified: by

Zootecnista, editor do Farmnews e interessado em fornecer informações úteis aos nossos leitores!