custos do confinamento

Custos do confinamento em alta em fevereiro de 2019

Os custos do confinamento subiram em fevereiro de 2019 quando comparado com o mês anterior e o mesmo período de 2018!

O índice de custo de produção de bovinos Confinados – ICBC, do LAE/USP, indica alta na base mensal e anual de comparação, em fevereiro de 2019.

Pois é, os dados do LAE/USP revelam que os custos do confinamento em fevereiro de 2019 apresentaram alta em todas as propriedades avaliadas, tanto em São Paulo como em Goiás.

Os custos da diária-boi (CDB) do ICBC foram de R$10,12, R$10,02 e R$8,58 para os confinamentos de São Paulo médio (CSPm), grande (CSPg) e de Goiás (CGO), respectivamente.

Como visto, em fevereiro houve aumento no CDB para todas as propriedades estudadas, como revelam os dados da Tabela a seguir.

A Tabela compara os custos da diária-boi (CDB) entre os meses de fevereiro de 2018, janeiro de 2019 e fevereiro de 2019, segundo dados do LAE/USP.

Os custos do confinamento aumentaram entre 5,6% e 6,0% em relação a janeiro de 2019 e entre 13,9% e 17,9% comparado ao mesmo período de 2018.

Os preços dos insumos alimentares estiveram em alta, de modo geral, no estado de São Paulo. Os principais ingredientes energéticos como milho e sorgo aumentaram 10,6% e 7,9%, respectivamente.

No estado de Goiás foi identificado aumento de 11%, 7,7% nesses mesmos itens, e queda de 1,7% no farelo de soja. Desta forma, os custos das dietas alimentares em São Paulo aumentaram, assim como no estado de Goiás.

O fato é que apesar dos bons preços de venda ofertados pelo boi gordo no início deste ano de 2019 (clique aqui), os confinadores continuam sendo desafiados quanto à estratégia da gestão de custos.

Aliás, clique aqui e confira a evolução dos custos do confinamento ao longo de todo o ano de 2018!

Para conferir o informativo mensal completo acesse o site do LAE (ICBC – Edição nº 21) e também segue em anexo o arquivo.

Siga o Farmnews, o canal de notícias do agronegócio!

Custos do confinamento em alta em fevereiro de 2019 was last modified: by

Zootecnista, editor do Farmnews e interessado em fornecer informações úteis aos nossos leitores!