Plano orçamentário

Plano orçamentário: saiba porque é essencial na sua gestão!

No Farmnews vamos destacar a importância do plano orçamentário para sua fazenda!

Inicialmente é importante entender o que é e qual a importância do plano orçamentário?

O orçamento é o recurso que integra aspectos operacionais e financeiros, servindo para fixar objetivos, quantificar as atividades, melhorar a avaliação e a utilização de recursos. Em outras palavras, o orçamento é peça fundamental da gestão da fazenda.

O controle orçamentário é eficaz instrumento para se avaliar se a realidade da fazenda está de acordo com aquilo que o empresário espera dela. É o modo de sistematizar o controle de desempenho de rebanho e dos resultados do negócio.

E como iniciamos o orçamento?

Para criar um plano orçamentário, primeiramente é necessário levantar os dados da empresa relacionados as receitas, custos, despesas e investimentos.

Os passos a seguir descrevem um processo básico do plano orçamentário:

  • Receitas:

Determinar o volume de vendas e o preço médio por produto. Com dados de vendas mensais do ano anterior, podemos estabelecer uma taxa de crescimento esperada das vendas para o próximo ano, levando em consideração as taxas de crescimento passadas, a situação econômica atual e futura do mercado consumidor, às próprias metas de resultados para o negócio e as variações sazonais esperadas (período de festas e férias, entressafra etc.). Assim, podemos determinar:

  • Valor esperado de vendas para o próximo ano, mês a mês;
  • Impostos sobre faturamento com base nas vendas projetadas;
  • Receita líquida do negócio.
  • Custos:

Com base no volume de vendas esperado, calcular o custo de produção vendidos, considerando os insumos diretos, como suplemento mineral, ração, medicamento, produtos veterinários diversos, serviços veterinários especializados, mão-de-obra direta etc. É importante prever se há expectativa de inflação nos itens de custo para se poder projetar, adequadamente, os gastos na produção, comercialização e serviço.

  • Despesas:

Determinar o volume de despesas atuais, levando-se em conta as despesas de vendas, de administração e as despesas financeiras. Com base nos orçamentos de receitas e custos, avaliar se haverá necessidade de ampliar a estrutura atual de despesas, tais como recursos de pessoal de vendas, prêmios por atingimento de metas, gastos     com serviços de terceiros etc;

  • Resultados:

O consolidado das informações de receitas, custos e despesas indicam um resultado esperado para a atividade e desse modo, sugerem ao empresário a consistência dos números orçados. Seria a estimativa de resultado esperado para o negócio e a base de informação para toda gestão do empreendimento.

Aqui é importante avaliar se um esperado aumento de receita está com uma previsão compatível de aumento nos custos de produção por exemplo. Mas a questão principal é que o empresário, com o plano orçamentário desenvolvido pode avaliar se os resultados (lucro bruto e lucro antes do imposto de renda) estão compatíveis com suas expectativas e objetivos. Quando o orçamento estiver consistente com suas necessidades, é interessante que se provisione o imposto de renda (quando aplicável) para o calculo o resultado final do exercício (lucro líquido).

  • Investimentos:

Aqui o pecuarista deve avaliar se haverá necessidade de ampliações na sua estrutura de capital, tais como novas máquinas, instalações, aumento de área de pasto, alterações no processo produtivo etc. O importante é destacar que nenhum orçamento, por si, pode garantir que os resultados projetados serão alcançados. Para que o orçamento se cumpra, é preciso disciplina na execução orçamentária e isso depende da atitude do empreendedor e do administrador do negócio, no acompanhamento e avaliação dos resultados e desvios. Para fazer o acompanhamento orçamentário dos resultados da empresa:

  • Registre sistematicamente as transações da empresa;
  • Compare o realizado com o orçado, identificando as variações;
  • Analise e entenda as causas das variações;
  • Tome ações corretivas quando as variações forem controláveis, para que não reflitam negativamente o negócio;
  • Reveja o orçamento sempre que entender que as metas e objetivos precisam ser alteradas.

Siga o Farmnews, o canal de notícias do agronegócio!

Plano orçamentário: saiba porque é essencial na sua gestão! was last modified: by

Zootecnista, editor do Farmnews e interessado em fornecer informações úteis aos nossos leitores!