febre aftosa

Prazo de vacinação contra febre aftosa é prorrogado

O MAPA prorrogou o prazo da primeira fase da vacinação contra a febre aftosa no País!

O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA) prorrogou para o dia 15 de junho a primeira etapa de vacinação contra febre aftosa nos rebanhos bovinos e bubalinos de todo o país, exceto Amapá e Santa Catarina. O prazo para imunizar os animais venceria no dia 31 de maio de 2018.

A medida foi autorizada devido ao bloqueio nas estradas com a paralisação dos caminhoneiros, que tem afetado todos os setores, inclusive a logística de distribuição e venda das vacinas.

Para o coordenador do Grupo Técnico de Defesa Sanitária da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), Decio Coutinho, a vacina é fundamental para manter o nível de defesa do organismo de toda população bovina e a imunidade em uma mesma situação.”O rebanho é vacinado duas vezes por ano, a cada seis meses. Como no campo a situação é mais difícil e o produtor não consegue imunizar todos os animais em único dia, temos um intervalo, que é de no máximo 30 dias, para todo mundo vacinar”.

De acordo com o Ministério, os serviços veterinários deverão regulamentar a medida no respectivo estado, para garantir os resultados da primeira etapa de vacinação contra a febre aftosa.

E por falar em greve dos caminhoneiros, o Cepea fez um resumo dos impactos da paralisação no agronegócio nacional. Clique aqui e saiba mais do assunto!

E mudando um pouco de assunto, será que a expansão das áreas de produção de alimentos ao redor do mundo deverá continuar nas próximas décadas? Essa é uma questão polêmica até para os estudiosos do assunto, embora algumas estimativas existam sobre o assunto. Clique aqui e confira alguns dados e informações sobre o tema!

Adaptado da CNA

Siga o Farmnews, o canal de notícias do agronegócio!

Prazo de vacinação contra febre aftosa é prorrogado was last modified: by

Zootecnista, editor do Farmnews e interessado em fornecer informações úteis aos nossos leitores!