rebanho bovino canadense

Rebanho bovino canadense no menor patamar em quase 3 décadas

O rebanho bovino canadense perto de atingir 28 anos de queda!

O rebanho bovino canadense está prestes a alcançar seu menor patamar em 28 anos.

E isso é creditado principalmente à relutância das novas gerações de fazendeiros em entrar para o negócio.

O Departamento de Agricultura dos Estados Unidos, em suas primeiras previsões para 2018, disse serr improvável qualquer recuperação do rebanho bovino canadense antes de 2019.

O fato é que atualmente o Canadá não parece estar mantendo um número suficiente de novilhas e que permita o crescimento do rebanho do país.

Em parte, a tendência reflete o aumento dos preços do gado dos animais neste ano, o que impulsionou o crescimento de 12% no abate de novilhas no primeiro semestre de 2017 e um aumento de 16% no abate de vacas.

No entanto, o USDA sinalizou também o impacto de uma população envelhecida na produção de gado do país, que muitas vezes não eram bem sucedidos..

“O número de fazendeiros canadenses continuou a diminuir, uma vez que os fazendeiros se aposentam da indústria sem um sucessor”, disse a agência.

Vale destacar que houve uma queda de 17% no número de fazendas de gado desde 2010 e de 35% desde 2005.

E essa queda no número de fazendas continua a superar a taxa de crescimento no gado por fazenda, pressionando para baixo o rebanho bovino canadense.

O rebanho bovino canadense deve recuar, ao final do ano que vem, 22% em relação ao seu máximo de 2005, quando atingiu cerca de 15 milhões de cabeças.

A produção de carne, enquanto isso, em 1,16 milhões de toneladas, diminuirá 23% em relação ao pico atingido em 2004. Para efeito de comparação, desde 2004, a produção de carne bovina dos EUA aumentou 6,8%, e a produção brasileira subiu 10,6%.

O Farmnews apresenta dados que mostram onde estão os maiores rebanhos e quem são os maiores países produtores de carne bovina do mundo (clique aqui e saiba mais).

O Farmnews é o canal de notícias da Farmlogics!

Rebanho bovino canadense no menor patamar em quase 3 décadas was last modified: by

Zootecnista, colaborador do Farmnews e interessado em fornecer informações úteis aos nossos leitores!