boi gordo em dólar

Boi gordo em dólar e a competitividade da pecuária de corte nacional

O preço do boi gordo em dólar é um importante indicador de competitividade da pecuária de corte nacional no mercado internacional de carne bovina.

Desse modo, vamos atualizar o preço do boi gordo em dólar, incluindo a média mensal em janeiro e fevereiro de 2018 na análise de valores de longo prazo.

A Figura a seguir ilustra o comportamento de preços do boi gordo, segundo indicador Cepea/Esalq, convertidos em dólares, segundo a cotação média mensal do câmbio para venda, desde janeiro de 2016.

 

boi gordo em dólar

Fonte: Dados do Cepea/Esalq e Banco Central (adaptado por Farmnews)

 

O preço do boi gordo em dólar nos 2 primeiros meses de 2018 segue relativamente estável comparado aos valores praticados nos meses dos anos anteriores (2017 e 2016).

Claro, não podemos esquecer que a queda de preços em 2017 no primeiro semestre foi marcada pela baixa dos preços do boi gordo em valores Reais devido aos efeitos negativos da Carne Fraca (clique aqui), enquanto o preço do boi gordo em dólar no início de 2016 caiu devido a desvalorização do Real frente ao dólar, no auge da crise política nacional. Vale destacar que no início de 2016 o câmbio chegou a média próxima de R$4,0 por 1US$ (última Figura).

Considerando um período mais longo de tempo, ou seja, desde 2006, como se comportaram os preços do boi gordo em dólares? Confira na Figura abaixo.

 

boi gordo em dólar

Fonte: Dados do Cepea/Esalq e Banco Central (adaptado por Farmnews)

 

Quando avaliamos o preço do boi gordo em dólar em mais de 20 anos, vemos que nos valores praticados nos períodos mais recentes (2015 a 2018), variaram entre uma faixa de valores de US$40,0 e US$46,0 por arroba, em geral. Por outro lado, entre os anos de 2010 a 2014, o preço do boi gordo em dólar variou de modo mais constante entre uma faixa de preços superior, entre US$45,0 e US$55,0 por arroba.

E não podemos falar em preço do boi gordo em dólar sem destacar o comportamento do câmbio ao longo do período. A última Figura destaca a cotação mensal do Real frente ao dólar desde 1997.

 

boi gordo em dólar

Fonte: Dados do Banco Central do Brasil (adaptado por Farmnews)

 

Como visto acima, apesar da volatilidade típica da relação de preços entre o Real e o dólar, a cotação do Real frente a moeda americana está entre os maiores valores ao longo de mais de 20 anos de história. Isso contribuí para a competitividade da pecuária de corte brasileira no mercado internacional.

E por falar em boi gordo e dólar, clique aqui e saiba mais da importância do câmbio para o agronegócio nacional!

O Farmnews apresenta a variação do boi gordo e da inflação, medida pelo IGP-M, nos últimos 11, 5 e 2 anos. Afinal, como evoluíram os preços do boi gordo e do indicador de inflação desde 2008, 2014 e 2016? Clique aqui e confira!

Siga o Farmnews, o canal de notícias do agronegócio!

Boi gordo em dólar e a competitividade da pecuária de corte nacional was last modified: by

Zootecnista, editor do Farmnews e interessado em fornecer informações úteis aos nossos leitores!