consumo de carne bovina

COVID-19 e o consumo de carne dos Estados Unidos em 2020

Qual a expectativa de queda no consumo de carne nos Estados Unidos em 2020 devido aos efeitos da COVID-19?

A projeção do USDA é que o coronavírus, responsável pelo fechamento de frigoríficos e de milhões empregos, deve reduzir o consumo de carne nos Estados Unidos em torno de 4,0%, ou 4,53kg por pessoa em 2020.

O fato é que a produção de carne tanto bovina, como suína e de aves cai à medida que o setor se ajusta ao COVID-19 e à incerteza econômica, revelam os especialistas do USDA.

Aliás, o Farmnews destacou os dados da produção de carne bovina dos Estados Unidos que, deve cair forte no 2° trimestre de 2020 em virtude dos efeitos da COVID-19. Clique aqui e confira os dados!

O consumo de carne em termos per capita deve cair para 98,47kg por pessoa em 2020, encerrando um ciclo de 5 anos de alta no consumo.

Antes do coronavírus, o USDA previa que o consumo de carne em 2020 alcançaria novo patamar recorde de 103,14kg por pessoa. Vale lembrar que m 2019 o consumo médio foi de 101,74kg por pessoa.

A produção de carne despencou durante abril, quando os surtos de coronavírus forçaram as fábricas a desacelerar ou interromper as operações.

No Brasil ainda não temos dados estimados com relação a expectativa de queda na demanda por carne, embora a percepção é que as incertezas e que as medidas de restrição impactem negativamente o consumo. Por outro lado, as exportações seguem em ritmo recorde suportam os preços no País, especialmente do mercado do boi gordo. Nesse contexto, clique aqui e confira o comportamento de preços do boi gordo em 2020, até a parcial de maio.

Clique aqui e confira também quanto os efeitos negativos da COVID-19 afetaram o preço da carne bovina no varejo paulista nos primeiros 4 meses de 2020.

Adaptado de Successful Farming

Receba os estudos do Farmnews no WhatsApp!

COVID-19 e o consumo de carne dos Estados Unidos em 2020 was last modified: by