desafio da pecuária de corte

Desafio da pecuária de corte em 2020: cenário de preço e custo recorde

O desafio da pecuária de corte em 2020 recai principalmente para a atividade de recria engorda.

Pois é, mesmo com o preço recorde do boi gordo em valores nominais em julho de 2020, a reposição do rebanho tem sido a pior ao longo dos últimos anos (clique aqui), o que tem colocado um forte sinal de alerta para aqueles que se dedicam a recria e engorda.

E para se ter uma melhor ideia do que estamos falando, o preço do bezerro em 2020 tem superado as expectativas de alta e na parcial de julho o valor médio foi mais de 60% acima do valor observado em 2019. Embora os preços do boi gordo acumulem alta em 2020 e estejam nos maiores patamares nominais, a valorização do bezerro tem sido muito acima da observada para os animais destinados ao abate

Os fato é que os preços do boi gordo seguem firmes, por volta de R$220,00 no estado de São Paulo. Apesar disso, pesquisadores do Cepea indicam que o pecuarista terminador tem registrado piora no poder de compra de animais de reposição, tendo em vista que os valores do bezerro e do boi magro subiram com bastante força nos últimos meses.

Segundo levantamento do Cepea, no estado de São Paulo, o bezerro é negociado acima de R$2 mil por cabeça desde meados de junho, e o boi magro, de R$3 mil por cabeça, ambos recordes reais da série histórica do Cepea (os valores foram deflacionados pelo IGP-DI).

Considerando-se as médias mensais deflacionadas, a arroba do boi gordo no estado de São Paulo registra ligeira desvalorização de 1,42% na parcial deste ano (de dezembro/19 a parcial de julho/20), ao passo que os valores do bezerro subiram 27,5%, e os do boi magro, 13,6%. Nesse cenário, o pecuarista terminador precisa de mais arrobas de boi gordo para a compra de animais de reposição.

Além do desafio da pecuária de corte relacionada a reposição, que representa mais da metade dos custos de produção, a forte valorização do dólar também elevou os preços de importantes insumos pecuários que são importados.

E por falar no desafio da pecuária de corte, vale destacar também que dentre os principais mercados, o consumo de carne bovina no Brasil deve ser um dos mais afetados pela COVID-19. Clique aqui e confira os dados de expectativa de consumo dos principais mercado mundiais para 2020!

Adaptado do Cepea

Receba os estudos do Farmnews no WhatsApp!

Desafio da pecuária de corte em 2020: cenário de preço e custo recorde was last modified: by