exportação de carne bovina

Dados mostram que exportação de carne bovina pode cair em junho

O Farmnews apresenta dados parciais da exportação de carne bovina em junho de 2020, com expectativa de queda.

Isso porque na primeira semana de junho de 2020 a média diária de exportação de carne bovina do Brasil ficou em 5,45 mil toneladas, valor menor que o apurado em junho de 2019, quando a média diária foi de 6,02 mil toneladas.

Claro, são dados preliminares de apenas 5 dias úteis dentro do mês de junho, enquanto no mesmo período do ano passado a média foi avaliada considerando um total de 19 dias úteis.

Vale lembrar também que o ano de 2020 tem sido marcado por valores recordes da exportação de carne bovina. Em maio de 2020 a exportação de carne bovina foi recorde histórico (clique aqui).

Apesar da queda em termos de ritmo de embarques, considerando o faturamento diário, a média diária de junho de 2020 e 2019 se equivalem. Isso porque a média diária da receita em junho de 2020, na primeira semana, foi de US$23,76 milhões, ao passo que em junho de 2019 foi de US$23,26 milhões.

E, claro, o preço médio da tonelada da carne bovina do Brasil exportada apresentou alta na média diária dos primeiros 5 dias de junho de 2020, com valor de US$4,33 mil por tonelada, enquanto em junho de 2019 o valor médio foi de US$3,86 mil por tonelada.

Veja também que os dados em meio a pandemia mostram que a produção animal não é a grande vilã para o meio ambiente, principalmente quando o assunto são os gases de efeito estufa. Clique aqui e saiba mais do assunto!

O período de quarentena e distanciamento social durante a pandemia do COVID-19 mudou e, muito, o comportamento de consumo dos alimentos. Clique aqui e confira!

Receba os estudos do Farmnews no WhatsApp!

Dados mostram que exportação de carne bovina pode cair em junho was last modified: by