china-import-pork

Importação de carne suína pela China deve mais que dobrar em 2 anos

A crise de produção na China deve impulsionar a importação de carne suína pela China entre 2019 e 2020.

Com a queda estimada na produção de carne suína do maior produtor mundial, a importação de carne suína pela China deve disparar entre 2019 e 2020.

Isso porque em 2018 a China importou 1,56 milhões de toneladas em equivalente carcaça de carne suína, enquanto em 2019 a expectativa do USDA é que as compras cheguem a 2,60 milhões de toneladas e em 2020, 3,50 milhões de toneladas.

Caso a expectativa de importação de carne suína pela China se confirme, em 2 anos os embarques para o país asiático vão mais que dobrar.

Pois é, mas apesar disso o consumo de carne suína na China deve apresentar forte queda entre 2018 e 2020, passando de 55,39 milhões de toneladas em equivalente carcaça para 38,15 milhões de toneladas, o que representa uma perda acumulada de 31,1% no período.

O fato é que a produção de carne suína na China, entre 2018 e 2020 deve cair quase 20,0 milhões de toneladas em equivalente carcaça, caindo de 54,04 para 34,75 milhões de toneladas.

Vale lembrar que o Farmnews destaca para os efeitos na produção mundial de proteína animal pós o caso de febre suína na China. Afinal, o que esperar da produção mundial das 3 principais carnes (bovina, suína e frango) no mundo após a forte queda no rebanho de suínos no país asiático?

E por falar em produção de carne suína, o Farmnews apresenta os dados esperados de produção de suínos no Brasil nos anos de 2019 e 2020.

E não é apenas a importação de carne suína que deve aumentar. Vale lembrar que desde 2018 a China tem se estabelecido como principal importador de carne bovina do mundo, superando os Estados Unidos!

Siga o Farmnews, o canal de notícias do agronegócio!

Importação de carne suína pela China deve mais que dobrar em 2 anos was last modified: by

Zootecnista, editor do Farmnews e interessado em fornecer informações úteis aos nossos leitores!