mercado futuro

Mercado futuro x mercado físico: compare preços em 2020 até maio!

O Farmnews destaca para o comportamento de preços do mercado futuro do boi gordo em relação ao mercado físico na parcial de 2020.

O objetivo é mostrar a evolução do preço do contrato futuro para vencimento em outubro (BGIV20) em relação ao mercado físico do boi gordo e, claro, contribuir para melhor entendimento e eventuais oportunidades aos nossos leitores.

A Figura abaixo ilustra a evolução de preços da arroba do boi gordo no mercado físico e futuro, indicador Cepea e BGIV20, respectivamente, ao longo de 2020, até a parcial de maio.

mercado futuro
Fone: Dados do Cepea e B3 (adapado por Farmnews)

O mercado futuro do boi gordo, para vencimento em outubro, apresentou comportamento distinto no 1° trimestre e em relação ao que tem sido apurado no 2° trimestre de 2020 e também quando comparado ao mercado físico (Figura).

Isso porque nos 3 primeiros meses de 2020, até o meio de março, o preço do mercado futuro (BGIV20) ficou acima do mercado físico do boi gordo, ao contrario do observado a partir da segunda quinzena daquele mês.

O contrato futuro do boi gordo para vencimento em outubro, após forte queda em março, impulsionado pelas incertezas relacionadas ao coronavirus, se manteve abaixo do preço praticado no mercado fisico (Cepea), pelo menos até a parcial de maio.

A questão é que no final de maio, ambos, mercado físico e futuro são cotados a valores próximos de R$200,0 por arroba. Considerando o valor para maio, essa média nominal seria a maior já apurada para o período, no entanto, opera sem ágio para o período de entressafra.

Aliás, o preço do boi gordo historicamente tem um comportamento sazonal ao longo do ano e, com base nisso, como foi o ágio da entressafra frente a safra na última década? Clique aqui e confira!

Mas é importante destacar que embora abaixo do preço praticado no físico, o mercado futuro do boi gordo (BGIV20) na segunda metade de maio mostrou sinais de recuperação, voltando a ser cotado acima de R$200,0 por arroba, o que não era observado desde o inicio de março (Figura).

O fato é que apesar das incertezas frente ao coronavírus e uma possível fragilidade do consumo interno, o mercado de exportação segue quebrando recordes, favorecido pelo câmbio e os efeitos da queda de produção de carne na China em virtude da febre suína.

O Farmnews apresenta a evolução dos preços históricos do boi gordo em dólares no Brasil entre os anos de 2000 e a parcial de 2020, até maio. Afinal, como evoluíram os preços do boi gordo no Pais, segundo dados do indicador Cepea, transformados em dólar, em pouco mais de 20 anos? Clique aqui e confira!

E por falar em preços históricos do boi gordo em moeda nacional, clique aqui e confira os dados corrigidos pela inflação do valor do boi gordo no longo prazo.

Receba os estudos do Farmnews no WhatsApp!

Mercado futuro x mercado físico: compare preços em 2020 até maio! was last modified: by