participação da China no mercado de carnes

Participação da China no mercado de carnes do Brasil em 2020

O Farmnews apresenta dados da participação da China no mercado de carnes brasileiro entre janeiro e abril, de 2016 a 2020.

O objetivo e destacar os dados e a importância da China na exportação de carnes do Brasil nos últimos anos, especialmente em 2020.

As exportações do agronegócio brasileiro de abril de 2020 atingiram valor recorde para o período, mesmo em meio a pandemia da COVID-19. Clique aqui e confira! O recorde anterior das vendas externas para os meses de abril ocorreu em abril de 2013, quando as exportações foram de US$9,65 bilhões. O valor de abril deste ano (US$ 10,22 bilhões) foi 25% superior aos de abril de 2019 (US$ 8,18 bilhões).

Pois é, e o principal responsável pelo aumento das vendas externa do agronegócio brasileiro em sido a China. Vale destacar, por exemplo, que a compra de carne bovina pela China quase triplicou nos 4 primeiros meses de 2020, ultrapassando US$1,0 bilhão no período. E, claro, sem contar a soja que também apresentou dados recordes em 2020, a exportação de carne suína aumentou sensivelmente na parcial de 2020 (clique aqui).

Nesse contexto da participação da China no mercado de carnes do Brasil, é importante lembrar que a produção de carne na China em 2020 deve seguir caindo em virtude dos efeitos da febre suína.

Isso porque enquanto o COVID-19 atualmente domina todas as manchetes, incluindo as relacionadas à produção e fornecimento de carne, a febre suína africana ainda tem um enorme impacto no comércio mundial de carnes.

E a demanda chinesa por carne bovina do Brasil e a consequente alta nas exportações tem contribuído e, muito para a manutenção dos preços do boi gordo no mercado interno (clique aqui). Além da queda da demanda em virtude dos efeitos da COVID-19, o preço das carnes concorrentes tem diminuído a competitividade da carne bovina no ambiente doméstico.

A Tabela a seguir apresenta os dados de venda, em mil toneladas de carne (bovina, suína e de frango) do Brasil, entre janeiro e abril de 2016 a 2020, para o mercado chinês e mundial

O fato é que a participação da China no mercado de carnes brasileiro aumentou significantemente nos últimos anos, passando de 9,9% em 2016 para 24,9% em 2020.

Os dados mostram que nos primeiros 4 meses de 2020, do total de carnes exportadas do Brasil, quase 25% teve como destino o mercado chinês.

E por falar na China, o Farmnews apresenta os dados de compra dos 10 principais importadores do agronegócio brasileiro de janeiro a abril, ao longo de 5 anos, de 2016 a 2020. Afinal, como evoluíram as compras dos maiores importadores do agronegócio do Brasil nos primeiros 4 meses do ano, de 2016 a 2020? Clique aqui e confira!

Receba os estudos do Farmnews no WhatsApp!

Participação da China no mercado de carnes do Brasil em 2020 was last modified: by

Zootecnista, editor do Farmnews e interessado em fornecer informações úteis aos nossos leitores!