poder de compra dos pecuaristas

A alta dos grãos em 2018 e o poder de compra dos pecuaristas

Os preços dos grãos seguem em forte alta no País desde fevereiro de 2018 e tem diminuído o poder de compra dos pecuaristas.

Vale lembrar que no ano, até o dia 7 de março, o milho e a soja acumulam alta de 21,4% e 10,0%, respectivamente, segundo indicador Cepea. E no mesmo período, o boi gordo segue com preços estáveis, ou seja, praticamente no mesmo patamar que iniciou o ano de 2018.

A alta nos preços dos grãos e a estabilidade de preços do boi gordo tem prejudicado o poder de compra dos pecuaristas, como ilustra a Figura a seguir que, destaca a relação de preços do boi gordo e do milho no longo prazo, desde 1997, segundo dados do Cepea.

 

poder de compra do pecuarista

Fonte: Dados do Cepea/Esalq (adaptado por Farmnews)

 

O poder de compra dos pecuaristas, em relação ao milho, está no menor patamar desde agosto de 2016.

Isso porque, na parcial de março de 2018 (até o dia 7), a relação de preços do boi gordo e do milho está em 3,58 sacas por arroba.

É importante destacar também de ao longo de todo ano de 2017 e nos 2 primeiros meses de 2018 a relação de preços do boi gordo e do milho esteve acima de 4,0 sacas por arroba.

Lembrando que essa relação sugere o poder de compra dos pecuaristas. Em outras palavras, quantas sacas de milho é possível adquirir a partir da venda de 1 arroba de boi gordo.

A Figura abaixo ilustra o poder de compra dos pecuaristas em relação a soja.

 

poder de compra dos pecuaristas

Fonte: Dados do Cepea/Esalq (adaptado por Farmnews)

 

No caso da soja, o poder de compra dos pecuaristas não sofreram a queda brusca como no milho, já que a baixa de preços da oleaginosa tem sido menor em 2018 até o momento.

O Farmnews destaca a variação dos preços dos grãos e do mercado pecuário de corte em fevereiro de 2018. Clique aqui e confira!

Siga o Farmnews, o canal de notícias do agronegócio!

A alta dos grãos em 2018 e o poder de compra dos pecuaristas was last modified: by

Zootecnista, editor do Farmnews e interessado em fornecer informações úteis aos nossos leitores!