milho-out-18-2

Preço do milho próximo de zerar ganho acumulado em 2018

A queda no preço do milho na parcial de outubro, até o dia 18, é de 9,5% e já ameça zerar o ganho acumulado ao longo de 2018.

A Figura a seguir ilustra a evolução diária dos preços do milho, em valores nominais, segundo indicador Cepea/Esalq, em 2018, até o dia 18 de outubro.

 

Fonte: Dado do Cepea/Esalq (adaptado por Farmnews)

 

Os dados acima revelam o novo movimento de queda que o preço do milho assumiu a partir de agosto, contribuindo para que, no ano, a alta acumulada do preço do grão caísse para apenas 5,5%.

Vale lembrar que ao longo de 2018, até a parcial de outubro, o preço do milho chegou a acumular alta de 35,9%, quando foi cotado a R$45,89 por saca no dia 1 de junho de 2018.

Pois é, o preço do milho oscilou até o dia 18 de outubro, entre a mínima de R$31,85 por saca e a máxima de R$45,89.

Apesar da queda recente dos preços do milho, a alta do grão ao longo do ano contribuiu para manter pressionados os custos de produção e m2018, especialmente da engorda de bovinos confinados, como destacam os dados do LAE/USP. É importante destacar que o custo da engorda confinada alcançou o maior patamar do ano em setembro de 2018. Clique aqui e saiba mais do assunto!

E por falar em preço do milho, o Farmnews destaca quais os melhores e piores meses do ano para vender milho em termos de preço. Clique aqui e confira!

E mudando um pouco o assunto, confira a previsão de produção de milho entre os principais produtores mundiais na safra 2018/19. Clique aqui! E a expectativa é que os Estados Unidos participem com cerca de 35,1% da oferta mundial de milho, enquanto a China e o Brasil participem com, respectivamente, 21,1% e 8,8% do total do grão produzido mundialmente na safra 2018/19.

Siga o Farmnews, o canal de notícias do agronegócio!

Preço do milho próximo de zerar ganho acumulado em 2018 was last modified: by

Zootecnista, editor do Farmnews e interessado em fornecer informações úteis aos nossos leitores!