preço futuro do milho

Preço futuro do milho cai após acumular forte alta

O preço futuro do milho caiu no final de janeiro após acumular forte alta, seguindo o preço do mercado físico.

O preço futuro do milho para o contrato com vencimento em março, encerrou janeiro em queda e abaixo de R$50,0 por saca.

Após acumular alta e operar com valor acima de R$52,0 por saca ao longo de boa parte de janeiro de 2020, o contrato para março CCMH20 passou a cair e encerrou o dia 4 de fevereiro cotado a R$48,45 por saca.

Apesar da queda, o preço de R$48,50 por saca para vencimento em março de e 2020 segue acima do preço médio observado em março de 2019. Vale lembrar que o indicador Cepea de março de 2019 em valor nominal foi de R$39,32 por saca.

E em janeiro, o preço do milho segundo indicador Cepea apresentou forte alta, de 5,6%, com o valor do grão variando de R$48,43 a R$51,16 por saca.

É importante destacar, nesse cenário que os preços das commodities em geral tem apresentado queda, também influenciado pelo risco de uma desaceleração global diante das incertezas em torno do coronavírus.

E em 2019 é importante destacar que a exportação de milho do Brasil foi recorde histórico, contribuindo e muito para que o preço do grão acunulasse alta ao longo do ano. Clique aqui e confira a comportamento de preços das commodities agrícolas acompanhadas pelo Farmnews.

No caso específico do milho, as cotações do grão no mercado físico mostram que apesar da alta acumulada em janeiro, a expectativa no curto prazo pode ser menos firme.

Aliás, o Cepea destaca a expectativa de que o preço do milho no mercado sofra maior pressão negativa.

Siga o Farmnews, o canal de notícias do agronegócio!

Preço futuro do milho cai após acumular forte alta was last modified: by

Zootecnista, editor do Farmnews e interessado em fornecer informações úteis aos nossos leitores!