preços das commodities agrícolas

Como os preços das commodities agrícolas são formados?

Será que você sabe, de fato, quais os fatores mais contribuem para a variação nos preços das commodities agrícolas?

Pois é, mas antes, vamos destacar que commodities são produtos produzidos e consumidos em escala mundial como fonte de matéria-prima para a indústria ao redor do planeta.

Desse modo, são produtos praticamente uniformes e que tem seus preços definidos pela oferta e demanda mundiais. Por isso destacamos que as commodities são produtos produzidos e comercializados em escala global.

E esse é um dos motivos pelos quais o Farmnews apresenta dados de produção, consumo e estoque de commodities agrícolas entre os principais países produtores e consumidores mundiais.

Aliás, o Brasil é um dos maiores produtores mundiais de commodities agrícolas, como carne bovina, milho e soja, produtos comumente discutidos pelo Farmnews.

E não é apenas a produção e seus efeitos climáticos aliado ao crescimento econômico e populacional que conduciinam o comportamento de preços das commodities. Claro, eles são os principais fatores já que uma quebra na produção e uma desaceleração econômica global tem efeitos positivos e negativos nós preços das commodities, respectivamente.

Vale destacar também que fatores recentes como a peste suína asiática (PSA) e as incertezas relacionadas ao coronavírus tem uma grande consequência nós preços das commodities agrícolas por exemplo. Com a perda de parte significativa do plantel de suínas na China em decorrência do surto de PSA a importação de soja brasileira caiu sensivelmente em 2019. Por outro lado, a importação de carnes do Brasil disparou no mesmo período, contribuindo e, muito, para a alta nos preços do boi gordo.

O fato é que o mercado mundial pode estar demandando determinado produto, mas para que a comercializacao aconteça em escala o preço do produto deve ser competitivo no cenário internacional. Em outras palavras, se a commodity brasileira não tiver preço competitivo frente aos nossos principais concorrentes, pouco ajuda um mercado internacional comprador.

E nesse sentido o Brasil historicamente leva vantagem em termos de custo de produção e nos últimos anos também pela ajuda da desvalorização do Real frente ao dólar que, contribui para tornar mais competitivo o preço das commodities do Brasil em dólares.

Enfim, o processo de formação de preços das commodities agrícolas envolve inúmeras variáveis de âmbito global, onde o produtor tem nenhuma interferência direta.

E nesse sentido, é importante destacar que embora exposto ao cenário mundial, o produtor tem meios de minimizar essa vulnerabilidade em relação a incertezas de preços futuros.

E é por isso que o mercado do agronegócio tem muita atenção do produtor. É muito esforço, dedicação e investimento na produção e tudo isso sem a garantia de uma remuneração adequada em termos de preços quando não se utiliza mecanismos de proteção de preços disponíveis no mercado.

Mas isso é tema para outra discussão, embora seja importante lembrar que além de buscar garantia de preço no mercado o produtor precisa conhecer seus custos para poder definir um preço justo e que remunere a atividade.

Siga o Farmnews, o canal de notícias do agronegócio!

Como os preços das commodities agrícolas são formados? was last modified: by