preços dos grãos

Preços dos grãos seguem em forte alta no País!

Os preços dos grãos seguem em forte alta no País neste início de março de 2018.

Os preços de milho vêm apresentando fortes altas nos mercados externo e interno, segundo informam pesquisadores do Cepea.

No cenário internacional, as cotações são impulsionadas especialmente por preocupações quanto ao clima na Argentina (clique aqui).

No Brasil, muitos compradores estão com baixos estoques e, com isso, precisam ceder nas negociações para conseguir comprar novos lotes de milho – esse cenário é verificado especialmente no mercado paulista.

Neste ambiente de alta, produtores/vendedores consultados pelo Cepea ofertam apenas pequenos lotes, dando prioridade aos negócios envolvendo a soja, que apresenta maior liquidez.

Vale lembrar que em fevereiro, o indicador Cepea (base Campinas – SP) avançou 19,6%. Veja também os as vendas de milho do Brasil no mercado internacional quase triplicaram na base anual de comparação em fevereiro de 2018 (clique aqui).

No caso da soja, os produtores de soja consultados pelo Cepea se retraíram das vendas de grandes lotes, cenário que resultou em altas nos preços. Esse cenário se deve à firme demanda, por causa do aquecimento das exportações, e à baixa oferta do grão, ocasionada pelo ritmo lento na colheita brasileira.

No mês de fevereiro de 2018, o indicador Cepea (base Paranaguá – PR) acumulou alta de 9,6%. O Farmnews destacou que a demanda por farelo de soja impulsionou os preços da soja no mercado interno no mês (clique aqui).

No acumulado do ano, até fevereiro de 2018, a alta dos preços dos grãos foram um pouco menores, uma vez que essas commodities agrícolas iniciaram o ano em queda. No acumulado até fevereiro o preço do milho apresenta alta de 16,1% e a soja de 8,2%.

O Farmnews destaca a variação dos preços dos grãos e do mercado pecuário de corte em fevereiro de 2018. Clique aqui e confira!

Adaptado de Cepea

Siga o Farmnews, o canal de notícias do agronegócio!

Preços dos grãos seguem em forte alta no País! was last modified: by

Zootecnista, editor do Farmnews e interessado em fornecer informações úteis aos nossos leitores!