carnes baseadas em plantas

Cargill avança no mercado de carnes baseadas em plantas

O que antes parecia uma realidade distante, já está acontecendo e o mercado de carnes baseadas em plantas ganha investidores cada vez mais importantes.

E a mais nova investidora no mercado de carnes baseadas em plantas é a Cargill.

A Cargill anunciou acordo com a Puris, visando crescer no mercado de carnes baseadas em plantas.

O apoio financeiro e o alcance do mercado da Cargill devem contribuir de modo significativo para a expansão das operações da Puris em todo o mundo, disse o presidente da Puris, Tyler Lorenzen. “Vamos adicionar uma capacidade substancial, incluindo uma segunda fábrica, mantendo o foco na produção dos EUA”, disse Lorenzen.

Vale destacar, inclusive, que as carnes baseadas em plantas já são uma realidade no mercado de alimentação dos Estados Unidos. Nosso canal de notícias parceiro, o Foodnews, destacou neste início de 2018 que a TGI-Fridays já inclui no cardápio da rede as carnes baseadas em plantas. Clique aqui e saiba mais!

Vale lembrar que a Cargill já investe na Memphis Meats, uma empresa que desenvolveu carne a partir de células animais.

O fato é que a Cargill não é pioneira no mercado de carnes baseadas em plantas. A empresa junta-se a outras grandes empresas de carnes que estão investindo em fontes alternativas de proteína.

Vale lembrar que a Tyson Foods, em 2016, adquiriu uma participação de 5% na fabricante alternativa de carnes à base de plantas Beyond Meat.

Já em 2017 a Nestlé USA comprou a Sweet Earth, fabricante de burritos à base de plantas, hambúrgueres e outros alimentos. No mesmo ano o processador canadense de carne Maple Leaf Foods comprou a Lightlife Foods, fabricante e marca de alimentos baseados em plantas nos Estados Unidos.

É um movimento que precisamos estar atentos e acompanhar, principalmente quanto a expectativa e a demanda do mercado consumidor.

Um exemplo importante discutido no Farmnews foi a recente campanha desenvolvida nos Estados Unidos para estimular o consumo de carne bovina entre a geração Y ou millennials (clique aqui)

Vale lembrar que a carne bovina mantém é a preferida dos consumidores (clique aqui), mas, devemos entender a demanda por um nicho de mercado específico que, já é uma realidade.

Siga o Farmnews, o canal de notícias do agronegócio!

Cargill avança no mercado de carnes baseadas em plantas was last modified: by

Zootecnista, editor do Farmnews e interessado em fornecer informações úteis aos nossos leitores!