terminação intensiva à pasto

Terminação intensiva à pasto é alternativa para engorda na seca

Terminação intensiva à pasto é alternativa para engorda de bovinos na seca!

Com o fim do período das águas há uma queda natural no potencial produtivo das pastagens, o que dificulta a engorda dos animais. O início das secas traz um desafio ainda maior ao pecuarista, que se encontra em um momento crucial no processo produtivo, a terminação.

Na prática, esse é o período que antecede ao abate e também uma das fases mais importantes na cadeia produtiva, já que é a etapa que determina a qualidade e o peso da carcaça (clique aqui).

Normalmente é neste período que estão as melhores oportunidades de remuneração da arroba, pois há maior déficit de abate. Clique aqui e confira os melhore meses para vender boi gordo em termos de preço! Diante desse cenário, é comum surgir a dúvida de qual a melhor estratégica nutricional para a terminação no período seco.

O fato é que, como alternativa ao confinamento, o produtor pode aplicar em sua propriedade a Terminação Intensiva à Pasto, ou TIP, como é conhecida. “Essa é uma técnica que também oferece segurança ao pecuarista, bem como representa baixo investimento estrutural.

Utilizando de tecnologias complementares na nutrição, a terminação intensiva à pasto oferece ótimos resultados no campo e lucratividade ao criador”, destaca Bonin.

Aliás, clique aqui e confira os custos da engorda de bovinos em regime de confinamento nos 3 primeiros meses de 2019!

A Connan, em parceria com a Apta e a Embrapa Gado de Corte, promoveu estudos que comprovaram os bons resultados da terminação intensiva à pasto.

“Desde 2012, estamos promovendo pesquisas junto às duas entidades para comprovar a eficiência na utilização de tecnologias aliadas à terminação à pasto. Ao final dos experimentos constatamos que os resultados se mostraram muito conscientes, que se repetem na prática”, destaca Bonin.

As pesquisas foram promovidas com o uso da tecnologia Nuclemix Connan Termina-Fácil, um núcleo completo com minerais e proteínas, além de uma combinação de aditivos que devem ser misturados com farelos energéticos. Os resultados mostraram que os animais ganharam mais peso e mais carcaça, apresentando rendimento de ganho em torno de 75%, ou seja, de cada kg de peso vivo ganho pelos animais, 750 g foi em carcaça.

“O tratamento dos animais com Nuclemix Connan Termina-Fácil permite a deposição de gordura de acabamento e aumento do ganho em carcaça em qualquer época do ano, sem a necessidade de fechar os animais em confinamento, oferecendo economia com uma tecnologia acessível aos pecuaristas”, finaliza Bonin.

E por falar na terminação intensiva à pasto, clique aqui e confira o comportamento de preços do sal mineral nos 2 primeiros meses de 2019!

Siga o Farmnews, o canal de notícias do agronegócio!

Terminação intensiva à pasto é alternativa para engorda na seca was last modified: by

Zootecnista, editor do Farmnews e interessado em fornecer informações úteis aos nossos leitores!