preço da arroba do bezerro

Apesar do patamar recorde, preço da arroba do bezerro estabiliza em abril

O preço da arroba do bezerro, apesar do patamar recorde na parcial de abril, ficou estável frente ao mês anterior.

Pois é, o tema relacionado ao preço do bezerro segue como um dos principais assuntos entre os pecuaristas nos últimos anos, uma vez que a escalada de valorização da categoria, acima da observada para o boi gordo, tem pressionado a relação de troca e, incentivado a retenção de vacas no rebanho. Vale lembrar que a taxa de abate de vacas em 2020 foi a menor a história com objetivo de produzir mais animais de reposição nos próximos anos.

Aliás, a relação de troca em abril de 2021, pelo menos na parcial do mês caminha para ser a menor da série calculada a partir do indicador Cepea (clique aqui).

O fato é que, apesar do preço recorde, com média de R$453,6 na média parcial de abril, até o dia 23, o valor foi semelhante ao observado no mês anterior, março, quando o preço médio ficou em R$453,5 por arroba.

A Figura a seguir ilustra a evolução dos preços nominais da arroba do bezerro, segundo Cepea, Mato Grosso do Sul, entre janeiro de 2017 e a parcial de abril de 2021.

preço da arroba do bezerro
Fonte: Dados do Cepea (adaptado por Farmnews)

Embora estável frente a março, o preço da arroba do bezerro na parcial de abril de 2021, de R$453,6 foi 66,8% maior que o valor nominal observado em abril de 2020 (R$271,9).

Quando comparado há 2 anos atrás, ou seja, abril de 2019, o preço de 2021 foi 142,6% superior, uma vez que naquela oportunidade o preço nominal da arroba do bezerro foi de R$187,0. E por falar no preço do bezerro, clique aqui os meses em que os preços do bezerro são maiores e menores dentro do ano. Confira média avaliada em 20 anos de história!

O Farmnews apresenta a revisão da projeção dos dados mundiais de exportação de carne bovina para 2021. Clique aqui e confira!

Clique aqui e receba os estudos do Farmnews pelo WhatsApp!

Apesar do patamar recorde, preço da arroba do bezerro estabiliza em abril was last modified: by