preço do milho

Preço do milho sobe e volta a operar próximo de R$50 por saca em julho

O preço do milho inicia julho em alta e volta a ser cotado a valores próximos de R$50,0 por saca, segundo indicador Cepea.

O movimento de alta no mercado físico impulsionou também o preço futuro do milho para vencimento em setembro de 2020 (CCMU20) que, iniciou julho no maior patamar do contrato. Clique aqui e confira!

No Brasil, mesmo com a colheita de segunda safra avançando, os valores têm sido sustentados pela retração de vendedores – que evitam negociar grandes lotes –, pelas altas consecutivas nos portos e pela elevação no preço do frete.

No acumulado do ano, até o dia 7 de julho (R$49,94 por saca), o preço do milho, indicador Cepea, apresentou alta de 3,1%, uma vez que iniciou 2020 a R$48,43 por saca.

Pois é, apesar da recuperação, o valor do grão segue bem abaixo do valor praticado em março, quando superou pela primeira vez a barreira de R$60,0 por saca (clique aqui).

A Figura a seguir ilustra a evolução diária do preço do grão, segundo indicador Cepea, ao longo de 2020, até a parcial do dia 7 de julho.

preço do milho
Fonte: Dados do Cepea (adaptado por Farmnews)

Quanto às exportações, por enquanto, ainda não ganharam ritmo. Conforme dados da Secex, o Brasil exportou 348,12 mil toneladas de milho em junho, volume 73,64% inferior ao do mesmo período do ano passado. Apesar disso, com a demanda aquecida nos portos nos últimos dias e com os patamares elevados, a perspectiva é de que as vendas externas ganhem ritmo nas próximas semanas. Aliás, clique aqui e confira os dados parciais da exportação de milho do Brasil em 2020!

E apesar da recuperação de preços do milho no mercado físico e futuro, o grão encerrou a primeira metade de 2020 como a pior commodity agrícola em termos de preço comparado aquelas acompanhadas pelo Farmnews (boi gordo, bezerro e soja). Aliás, clique aqui e confira os dados!

Pois é, das commodities agrícolas acompanhadas pelo Farmnews, apenas o milho ficou abaixo do IGP-M, CDI e a poupança nos 6 primeiros meses de 2020, uma vez que o grão acumulou alta de apenas 0,2% no período. Vale destacar que a exportação de milho do Brasil desabou em 2020, apesar do câmbio favorável à exportação. Clique aqui e confira os dados!

Receba os estudos do Farmnews no WhatsApp!

Preço do milho sobe e volta a operar próximo de R$50 por saca em julho was last modified: by