Mercado

Importação de fertilizantes da Rússia em 10 anos, entre janeiro a maio

A importação de fertilizantes da Rússia pelo Brasil em 2022, pelo menos até a parcial de maio, foi recorde.

Pois é, apesar do conflito com a Ucrânia, a importação de fertilizantes de origem russa pelo Brasil acumula nova máxima (Tabela). Isso porque entre janeiro e maio de 2022 o Brasil importou o equivalente a US$2,51 bilhões em fertilizantes russos, valor 181,1% maior que o observado no mesmo período de 2021 (US$0,89 bilhão) e novo recorde para o período.

A importação de fertilizantes pelo Brasil em 2022, no acumulado até maio, foi a maior da história para o período. Clique aqui e confira os dados!

A Tabela a seguir apresenta os dados da importação de fertilizantes pelo Brasil, total e de origem russa, entre janeiro e maio, de 2013 a 2022, segundo dados do MDIC-SECEX.

A importação de fertilizantes da Rússia segue aumentando em 2022, apesar do conflito com a Ucrânia e renova máxima no acumulado até maio.

O fato é que do volume total importado de fertilizantes pelo Brasil, algo em torno de 20,0 a 25,0% vem da Rússia. Pelo menos foi esse o valor observado entre janeiro a maio desde 2017. Em 2013, até maio, o Brasil importou 1,43 milhões de toneladas de fertilizantes de origem russa, valor menos da metade do atual, de 3,48 milhões de toneladas no mesmo período.

O importante é considerar que apesar do ritmo de importação recorde, os preços médios das matérias-primas tem sido o grande ponto de atenção dos produtores, especialmente para a próxima safra. O preço médio das matérias-primas importadas pelo Brasil em 2022, até maio, foi de US$0,63 por kg, valor mais que o dobro do observado no mesmo período de 2021 (US$0,26 por kg).

E mudando de assunto, a exportação de carne bovina do Brasil em 2022 segue renovando as máximas e isso aconteceu pelo quinto mês consecutivo em maio. Clique aqui e confira!

Clique aqui e receba os estudos do Farmnews pelo WhatsApp!

Importação de fertilizantes da Rússia em 10 anos, entre janeiro a maio was last modified: by

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo
%d blogueiros gostam disto: