Mercado

Variação do preço de importação de fertilizante e do boi gordo até março de 2023

O Farmnews atualizou os dados do preço de importação de fertilizante, avaliado em Reais e em moeda americana, entre janeiro de 2020 e março de 2023.

E antes de falar em preço médio de importação das matérias-primas pelo Brasil, em março de 2023 o Brasil importou 2,88 milhões de toneladas em fertilizantes, o maior patamar desde setembro de 2022, quando as compras somaram 3,23 milhões de toneladas. Em março de 2022 o Brasil importou 2,70 milhões de toneladas, valor 6,3% menor que o patamar de março de 2023.

Nos primeiros 3 meses de 2023, por outro lado, o Brasil importou 7,40 milhões de toneladas em fertilizantes, valor abaixo do observado no mesmo período de 2022, quando as compras totalizaram 7,94 milhões de toneladas. E é importante destacar que o preço médio de importação tem apresentado relativa estabilidade ao longo dos últimos meses (Figura).

A Figura a seguir ilustra a evolução mensal do preço médio de importação de fertilizante, em US$ por kg, entre janeiro de 2020 e março de 2023, segundo dados do MDIC-SECEX.

Fonte: Dados do MDIC-SECEX (adaptado por Farmnews)

O preço de importação de fertilizantes pelo Brasil segue relativamente estável ao longo dos últimos 4 meses, de dezembro de 2022 a março de 2023, com valor médio oscilando de US$0,45 e US$0,46/kg.

É importante destacar que desde a máxima observada em junho de 2022, quando o preço médio alcançou US$0,79/kg, o valor acumulou queda de 43,3%, cotado a US$0,45/kg em março de 2023.

Em moeda nacional (segunda Figura), o cenário é semelhante ao preço em dólar, com o valor de importação com certa estabilidade entre os meses de dezembro de 2022 e março de 2023. O valor de março de 2023 de R$2,34/kg, embora um pouco acima do valor praticado no mês anterior devido ao efeito do câmbio, segue muito abaixo da máxima de julho de 2022 quando o preço foi de R$4,13/kg.

Participe do nosso Grupo no WhatsApp Participe do nosso Grupo no WhatsApp

A Figura a seguir ilustra a evolução mensal do preço médio de importação de fertilizante, em Reais por kg, entre janeiro de 2020 e março de 2023, segundo dados do MDIC-SECEX.

preço de importação de fertilizante
Fonte: Dados do Cepea (adaptado por Farmnews)

Vale destacar também que apesar da queda recente do preço médio de importação dos fertilizantes, o insumo segue acumulando alta muito superior à observada para o boi gordo (terceira Figura).

A Figura ilustra a evolução acumulada da variação mensal do preço médio de importação de fertilizantes pelo Brasil e do boi gordo (Cepea), entre janeiro de 2020 e março de 2023.

Fonte: Dados do MDIC-SECEX e Cepea (adaptado por Farmnews)

O preço do boi gordo (Cepea) entre janeiro de 2020 e março de 2023 acumulou alta de 43,0%, variando de R$193,0 por arroba no início de 2020 a R$281,8 por arroba no fim do 1º trimestre de 2023. No mesmo período o preço de importação, avaliado em Reais, subiu 124,8%, enquanto em dólares a alta foi de 79,3%. Nesse contexto é importante lembrar que o dólar acumulou alta de 25,4%, uma vez que em janeiro de 2020 a cotação foi de R$4,20 e em março de 2023 de R$5,20.

O Farmnews atualizou os dados da variação do preço boi gordo, bezerro, dólar e do indicador de inflação (IGP-M), entre os meses de março, de 2022 a 2023. Clique aqui e confira!

Clique aqui e receba os estudos do Farmnews pelo WhatsApp!

Ivan Formigoni

Zootecnista, Fundador do Farmnews e interessado em fornecer informações úteis aos nossos leitores!

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo