commodities-out-19-2

Soja passa a ser a commodity com maior valorização acumulada em 2019

Em outubro a soja passou a ser a commodity com maior valorização em 2019, dentre as commodities avaliadas pelo Farmnews.

Pois é, dentre a soja, milho, boi gordo e bezerro, a oleaginosa passou a acumular o maior ganho na parcial de 2019, até o dia 21 de outubro.

A Figura a seguir ilustra a variação acumulada das commodities agrícolas, segundo dados do indicador Cepea, ao longo de 2019, até a parcial de outubro.

Fonte: Dados do Cepea (adaptado por Farmnews)

Como indica a ilustração acima, o preço da soja acumulou a maior alta dentre as commodities agrícolas avaliadas pelo Farmnews, com alta de 13,2% em 2019, até a parcial de outubro.

Isso porque o valor da soja, segundo indicador Cepea (Paranaguá) variou de R$79,35 por saca no início de 2019 para R$89,82 por saca no dia 21 de outubro.

O milho, destaque de alta em outubro, pelo menos até o dia 21, acumula alta de 10,7% no ano, embora tenha passado boa parte de 2019 no campo negativo, entre março e setembro.

No caso do bezerro, avaliado em Reais por cabeça, a alta foi de 11,7% no período, com o preço do animal variando de R$1,199,4 a R$1.340,2 no período.

Vale lembrar que o preço do bezerro, em outubro, tem apresentado variação menor que a do boi gordo, o que tem amenizado a perda do poder de compra do pecuarista que depende da reposição do rebanho no mercado.

Ainda com a perda acumulada em outubro, o bezerro acumula alta superior ao boi gordo no ano, uma vez que o preço do animal pronto para o abate acumulou alta de 10,0% entre o início de 2019 e a parcial de outubro. Aliás, o preço do boi gordo em outubro de 2019 deve alcançar o maior valor nominal da história!

Siga o Farmnews, o canal de notícias do agronegócio!

Soja passa a ser a commodity com maior valorização acumulada em 2019 was last modified: by

Zootecnista, editor do Farmnews e interessado em fornecer informações úteis aos nossos leitores!