Mercado

Em 2021, até setembro, preço do bezerro segue como protagonista

O preço do bezerro segue acumulando alta acima do ganho das demais commodities agrícolas acompanhadas pelo Farmnews.

Pois é, no acumulado parcial de 2021, até o dia 24 de setembro, o bezerro segue acumulando ganho muito acima das demais commodities agrícolas acompanhadas pelo Farmnews, boi gordo, soja e milho (Figura).

A Figura a seguir ilustra a variação acumulada do preço do bezerro (em Reais por cabeça), boi gordo, milho e soja, segundo dados do Cepea, ao longo de 2021, até a parcial de setembro (dia 24).

Fonte: Dados do Cepea (adaptado por Farmnews)

O preço do bezerro acumulou alta de 20,3% em 2021, até a parcial de setembro, dia 24, valor muito acima do observado para as demais commodities, soja, boi gordo e milho.

O bezerro, segundo Cepea, iniciou 2021 cotado a R$2.400,9 por cabeça e no dia 24 de setembro o valor foi de R$2.888,0 por cabeça, ou seja, alta de 20,3%. Vale lembrar que ao longo do ano o preço do bezerro chegou a acumular ganho de 34,0% (1 de junho), com o valor alcançando a máxima de R$3.216,6 por cabeça.

E enquanto o bezerro acumulou alta de 20,3% do início de 2021 até a parcial de setembro (24), o boi gordo acumulou ganho de 9,7% no mesmo período. Já o milho e a soja acumularam ganhos de 10,6% e 12,3%, respectivamente.

Com o bezerro acumulando ganho muito acima do observado para o boi gordo, o poder de compra do pecuarista em 2021 tem sido o menor da história para aqueles que dependem da reposição do rebanho no mercado. Clique aqui e confira os dados médios da relação de troca de bezerros por boi gordo ao longo de 10 anos, de 2012 a 2021!

O Farmnews apresenta os dados do preço da arroba do bezerro, valor médio nominal de janeiro a setembro, em 10 anos, de 2012 a 2021. Clique aqui e confira!

Clique aqui e receba os estudos do Farmnews pelo WhatsApp!

Em 2021, até setembro, preço do bezerro segue como protagonista was last modified: by

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
%d blogueiros gostam disto: