Mercado

Ágio da arroba do bezerro sobe em agosto e alcança maior valor desde 2021

O ágio da arroba do bezerro em relação ao boi gordo sobe na parcial de agosto de 2023, alcançando maior patamar desde o final de 2021.

Isso porque com o preço do boi gordo em queda, inclusive renovando a mínima do ano em agosto (clique aqui) e o preço da categoria de reposição caindo menos, a diferença de preço entre a arroba do bezerro e a do macho pronto para o abate voltou a subir e alcançar o maior patamar desde dezembro de 2021, como ilustram os dados da primeira Figura.

A Figura a seguir apresenta a evolução mensal do ágio do preço da arroba do bezerro (Cepea, Mato Grosso do Sul) em relação ao preço da arroba do boi gordo (Cepea) entre janeiro de 2020 e a parcial de agosto de 2023 (média até o dia 16).

ágio da arroba do bezerro
Fonte: Dados do Cepea (adaptado por Farmnews)

O ágio da arroba do bezerro em relação a arroba do boi gordo na parcial de agosto de 2023 foi de 31,1%, o maior patamar desde o final de 2021.

Vale lembrar que foi a primeira vez desde dezembro de 2021 que o ágio do bezerro voltou a ficar acima de 30,0%, o que mostra um cenário menos favorável para a reposição do rebanho. Aliás, não foi somente com a recomposição do rebanho que o poder de compra do pecuarista caiu em agosto. Isso porque com relação a soja a relação de troca também caiu para o menor patamar de 2023 (clique aqui).

A queda no preço do boi gordo acontece em um momento de maior oferta de animais para o abate e uma demanda por carne bovina doméstica enfraquecida, apesar da expectativa de vendas recordes de carne bovina brasileira no mercado internacional em agosto (clique aqui).

O preço futuro do boi gordo para vencimento em outubro de 2023 inclusive acumulou queda de mais de R$100,0 por arroba desde novembro de 2022. Clique aqui e confira!

Participe do nosso Grupo no WhatsApp Participe do nosso Grupo no WhatsApp

A expectativa é que o mercado de reposição siga caindo menos que o animal pronto para o abate. O abate de fêmeas segue elevado e a intensidade do desinvestimento na atividade de cria pode potencializar a falta de bezerros(as) nos próximos anos, o que aumenta as chances de ganhos expressivos no próximo ciclo de alta da pecuária. O importante é destacar que tanto altas como quedas muito acima da média têm consequências futuras para o mercado, como estamos observando nos últimos anos. E por falar no assunto, o Farmnews atualizou os dados do preço corrigido do bezerro entre 2010 e a parcial de agosto de 2023. Clique aqui e saiba mais!

O Farmnews também apresentou dados que mostram a evolução do preço corrigido do boi gordo entre 2010 e a parcial de agosto de 2023. Clique aqui e confira!

Clique aqui e receba os estudos do Farmnews pelo WhatsApp!

Ivan Formigoni

Zootecnista, Fundador do Farmnews e interessado em fornecer informações úteis aos nossos leitores!

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo