Mercado

ICBC destaca custo da diária de bovinos confinados em agosto

O Farmnews apresenta o estudo do ICBC que destaca para o custo da diária de bovinos confinados em agosto de 2017!

Na terceira edição do Informativo de Custos de Bovinos Confinados (ICBC) se identificou redução dos custos de produção para o estado de São Paulo.

Clique aqui e saiba mais sobre o Índice de Custo de Produção de Bovinos Confinados – ICBC!

Quando comparados os meses de julho e agosto, os custos da diária-boi (CDB) reduziram 2,04% e 1,59% para os confinamentos de São Paulo médio (CSPm) e grande (CSPg), respectivamente.

No entanto, para o confinamento de Goiás (CGO) houve aumento de 6,17% no CDB.

A Tabela abaixo apresenta os dados de custo da diária de bovinos confinados em agosto de 2017, segundo estudo do ICBC.

Participe do nosso Grupo no WhatsApp Participe do nosso Grupo no WhatsApp

custo da diária de bovinos

O custo da diária de bovinos confinados caiu 2,04 e 1,59% para confinamentos de porte médio e grande, respectivamente, em São Paulo.

O custo da diária de bovinos confinados em São Paulo ficou em R$7,68 para o confinamento de porte médio e de R$7,45 para o de grande porte.

No levantamento mensal de todos os itens que compõem a atividade, identificamos diminuição dos preços dos itens alimentares para o estado de São Paulo.

Por exemplo, em relação à cotação de julho, os preços da polpa cítrica peletizada e do sorgo no mês atual, diminuíram em 14% e 10%, respectivamente.

Já no estado de Goiás, a saca do milho, por exemplo, aumentou de R$18,50 para R$19,83 (7%). Consequentemente, a dieta para o CGO ficou com o custo 4% mais elevado.

De modo geral o resultado econômico melhorou para os confinadores.

A situação foi mais favorável para aqueles localizados no estado de São Paulo, onde a receita obtida por arroba foi superior aos custos da atividade, resultando em lucro econômico.

Em Goiás, apesar da elevação nos custos, o Custo Operacional Total (COT) foi menor do que as receitas. Ou seja, mesmo não obtendo lucro econômico o confinador consegue se manter na atividade sem o risco de ficar descapitalizado, cenário que não era observado desde o início da divulgação do presente índice que foi a partir do mês de maio.

Assim, neste levantamento, concluímos que os confinadores começaram a recuperar os prejuízos econômicos que, possivelmente, tiveram nos meses anteriores.

O Farmnews destaca também que a relação de troca de boi gordo por milho em agosto de 2017 está no melhor patamar dos últimos 2 anos (clique aqui), o que é uma boa notícia para os confinadores!

Aliás, em junho de 2017, produtores de gado de várias regiões brasileiras começaram a enviar seus animais para o primeiro estágio de confinamento (clique aqui e saiba mais).

Adaptado de LAE, Laboratório de Análises Socioeconômicas e Ciência Animal.

O Farmnews é o canal de notícias da Farmlogics!

Ivan Formigoni

Zootecnista, Fundador do Farmnews e interessado em fornecer informações úteis aos nossos leitores!

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo