Mercado

Sacas de milho por fertilizante, poder de compra melhora em junho

O indicador de sacas de milho por fertilizante caiu em junho de 2023, indicando potencial melhora do poder de compra do agricultor frente ao mês anterior.

É importante destacar que o indicador de sacas de milho por fertilizante tem por objetivo avaliar o potencial teórico de compra do produtor, uma vez que o cálculo é realizado com base no preço médio de importação (FOB) do fertilizante. É uma referência para a tendência de custo da matéria-prima.

E antes de falar do poder de compra do milho em relação ao fertilizante, é importante destacar que o preço médio de importação das matérias-primas segue em queda em 2023 e se distancia da máxima observada em 2022 (primeira Figura).

O Farmnews inclusive apresentou dados do preço médio geral de importação de fertilizantes pelo Brasil entre janeiro de 2020 e junho de 2023. Clique aqui e confira!

A Figura ilustra a variação acumulada do preço médio de importação das matérias-primas pelo Brasil, em Reais e em dólares e do preço do milho (Cepea), entre janeiro de 2020 e junho de 2023.

sacas de milho por fertilizante
Fonte: Dados do MDIC-SECEX e Cepea (adaptado por Farmnews)

O preço do milho (Cepea) praticamente devolveu todo o ganho observado desde o início de 2020. Isso porque entre janeiro de 2020 e junho de 2023 o preço do milho acumulou alta de 7,8%, lembrando que chegou a acumular ganho de 97,2% em maio de 2021. No caso do preço de importação do fertilizante, a alta acumulado de janeiro de 2020 e junho de 2023 foi de 41,7% e 65,2% em dólares e em Reais, respectivamente.

Participe do nosso Grupo no WhatsApp Participe do nosso Grupo no WhatsApp

O pico de valorização do preço médio de importação das matérias-primas em relação a 2020 aconteceu em 2022, quando em dólares a alta alcançou a máxima de 216,1% (jun-22) e em Reais de 296,3% (jul-22). Pois é, além de uma maior alta frente ao milho, o preço apresentou um pico de preço mais tarde que o milho.

O fato é que a maior queda do preço de importação das matérias-primas em junho contribuiu para melhorar o indicador de sacas de milho por fertilizante no mês.

Em junho de 2023 foram necessárias, em média, 31,29 sacas de milho (Cepea) para importar uma tonelada de fertilizante, queda frente a maio, quando foram necessárias 34,34 sacas de milho, como destacam os dados da segunda Figura.

A Figura apresenta a evolução da quantidade média de sacas milho (Cepea) necessárias para importar uma tonelada de fertilizante (MDIC-SECEX), entre janeiro de 2020 e junho de 2023.

sacas de milho por fertilizante
Fonte: Dados do MDIC-SECEX e Cepea (adaptado por Farmnews)

Na média, de janeiro de 2020 a junho de 2023, foram necessárias 26,79 sacas de milho para importar uma tonelada de fertilizante, com a máxima de 50,38 sacas em julho de 2022 e a mínima de 15,13 em janeiro de 2021.

E por falar no mercado de fertilizante, o Farmnews disponibilizou gratuitamente um resumo mensal com os principais dados de preço de importação e embarque, por país e principais matérias-primas. Clique aqui e acesse!

Clique aqui e receba os estudos do Farmnews pelo WhatsApp!

Ivan Formigoni

Zootecnista, Fundador do Farmnews e interessado em fornecer informações úteis aos nossos leitores!

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo