Gestão

Taxa de abate de vacas no 2° trimestre em 10 anos: menor valor em 2021

A taxa de abate de vacas segue em queda e no 2° trimestre e alcançou, em 2021, o menor valor para o período.

Pois é, com a atividade de cria estimulada devido aos patamares histórico de preço dos animais de reposição, a intenção do abate de vacas caiu sensivelmente entre 2020 e 2021 (Figura).

Aliás ao longo dos últimos 10 anos, apenas em 2020 e 2021 a taxa de abate de vacas ficou abaixo de 30,0% para um segundo trimestre do ano, o que reforça a força do movimento de retenção de fêmeas no País.

A Figura a seguir apresenta a evolução da taxa de abate de vacas em relação ao total de bovinos abatidos no Brasil no 2° trimestre, de 2012 a 2021.

Fonte: Dados do IBGE (adaptado por Farmnews)

A taxa de abate de vacas do Brasil no 2° trimestre de 2021 foi de 23,6%, a menor para o período so longo da série apresentada, de 10 anos.

O resultado dessa menor intenção de abater fêmeas nos últimos anos tem reflexo no aumento da oferta de bezerros e bezerros no Brasil, como mostram as previsões do USDA para o ano de 2022.

Como mencionado acima, a produção mundial de bezerros e bezerras deve alcançar novo recorde em 2022 e o maior crescimento esperado vem do Brasil. Clique aqui e confira os dados!

E mudando de assunto, o Farmnews apresenta os dados dos maiores exportadores mundiais de carne bovina ao longo dos últimos anos e a expectativa para 2022. Clique aqui e confira!

Clique aqui e receba os estudos do Farmnews pelo WhatsApp!

Taxa de abate de vacas no 2° trimestre em 10 anos: menor valor em 2021 was last modified: by

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
%d blogueiros gostam disto: