Mercado

Dados da importação de carne bovina pelo Brasil em 10 anos

O Farmnews apresenta os dados da importação de carne bovina pelo Brasil entre janeiro e agosto ao longo da última década, de 2012 a 2021.

A compra de carne bovina pelo Brasil aumentou em 2021 frente a 2020 e, aliás, apresentou o maior ritmo de compra desde 2016 (Tabela).

A Tabela a seguir apresenta os dados da importação de carne bovina pelo Brasil entre janeiro e abril de 2012 a 2021, segundo dados do MDIC.

A importação de carne bovina pelo Brasil somou o equivalente a US$177,74 milhões no acumulado de 2021, até agosto, valor 63,6% maior que o observado no mesmo período de 2020.

Em termos de volume de compra, o Brasil importou 31,77 mil toneladas de carne bovina entre janeiro e agosto de 2021, o segundo ano consecutivo de alta, após 3 anos de queda (Tabela). Vale destacar também que ao longo da última década, as compras no acumulado parcial de 2021 foi a terceira maior, perdendo apenas para as compras apuradas nos anos de 2016 e 2014.

Apesar da alta na importação, o preço médio da carne bovina importada na faixa de US$5,50/kg (média de 2021 e 2020) ficou abaixo do preço médio praticado nos anos anteriores, com exceção de 2016 (Tabela).

Do total de carne bovina importada pelo Brasil no acumulado de 2021, até agosto, cerca de 56% vem do Paraguai, 23% da Argentina e 19% do Uruguai e o pouco restante vem basicamente da Austrália. Em 2020 essa distribuição entre Paraguai, Argentina e Uruguai foi de, respectivamente, 44%, 30% e 20%.

O Farmnews destaca para os dados estimados do consumo de carne bovina, suína e de frango no Brasil em 2021 e sua respectiva participação relativa no ano.Afinal, como deve evoluir o consumo de carnes no Brasil em 2021 frente a 2020 e qual a participação das carnes bovina, suína e de frango desse total? Clique aqui e confira!

Clique aqui e receba os estudos do Farmnews pelo WhatsApp!

Dados da importação de carne bovina pelo Brasil em 10 anos was last modified: by

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
%d blogueiros gostam disto: