Mercado

Dados do abate de bovinos no 3° trimestre ao longo de 10 anos!

O Farmnews apresenta os dados do abate de bovinos no 3° trimestre de cada ano, entre 2011 a 2020.

Pois é, confira a evolução do número de bovinos abatidos no Brasil, segundo dados do IBGE, entre os meses de julho a setembro ao longo da última década.

O ano de 2020 tem sido caracterizado por um ano de oferta restrita de animais para abate. Os números do primeiro semestre de 2020 revelam a forte queda no ritmo de abate no ano que, aliado ao patamar recorde de exportação de carne bovina, refletiu nos valores recordes do preço do boi gordo!

Vale lembrar que o ritmo de abate de bovinos no 2° trimestre de 2020, por exemplo, foi o menor para o período em 10 anos (clique aqui). Pois é, e no 3° trimestre de 2020, a queda continuou quando comparado ao mesmo período dos anos anteriores (Figura).

A Figura a seguir ilustra a evolução do abate de bovinos no Brasil no 3° trimestre entre os anos de 2011 a 2020, segundo dados do IBGE.

Fonte: Dados do IBGE (adaptado por Farmnews)

Os dados do abate de bovinos mostram que no 3° trimestre de 2020 o valor foi o menor para o período, desde 2016.

Isso porque no 3° trimestre de 2020 o abate de bovinos somou 7,69 milhões de cabeças, queda de 9,5% em relação ao mesmo período de 2019 (8,50 milhões de cabeças) e o menor valor desde 2016, quando naquela ano o abate somou 7,32 milhões de cabeças.

Ao longo da última década, os dados do abate de bovinos no Brasil, no 3 trimestre, oscilou entre a máxima de 8,86 milhões de cabeças em 2013 e a mínima de 7,28 milhões em 2011.

O Farmnews apresenta os dados médios mensais do preço corrigido da arroba do boi gordo, entre janeiro de 2015 e a parcial de dezembro de 2020. Afinal, como evoluíram os preços da arroba do boi gordo ao longo dos últimos anos, segundo dados do Cepea, corrigidos pela inflação (IGP-M)? Clique aqui e confira!

Receba os estudos do Farmnews no WhatsApp!

Dados do abate de bovinos no 3° trimestre ao longo de 10 anos! was last modified: by

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
%d blogueiros gostam disto: