exportação de milho caiu

Exportação de milho caiu pela metade nos primeiros meses de 2020

A exportação de milho caiu mais de 50% no Brasil no 1° trimestre de 2020 frente a 2019.

No 1° trimestre de 2020 a exportação de milho do Brasil somou o equivalente a US$500,34 milhões, queda de 50,4% frente ao faturamento observado no mesmo período de 2019 (US$1.089,0 milhões).

Em termos de embarques, a queda em relação ao 1° trimestre de 2019 foi ainda maior, de 51,7%, com as vendas somando 3,02 milhões de toneladas de milho em grãos nos primeiros 3 meses de 2020. Por outro lado, o preço médio do milho entre janeiro e março de 2020 permaneceu praticamente estável, cotado a US$0,2 por kg.

E vale destacar que não foi apenas no 1° trimestre que a exportação de milho do Brasil caiu forte. Isso porque na parcial de abril os dados também mostram queda e, que queda!

A queda na exportação do grão nas primeiras 2 semanas de abril foi muito grande frente a abril de 2019, com baixa de quase 98,0%. Destacando que a média de embarques diária em 2020, na parcial de abril, foi de 352,2 toneladas, enquanto em abril de 2019 a média diária foi de 16,63 mil toneladas.

Essa queda de vendas no mercado internacional, impulsionado pela crescente incerteza quanto ao consumo mundial devido a COVID-19 tem pressionado o preço do grão a partir de abril. O preço do milho desaba no acumulado dos primeiros 15 dias de abril de 2020, com perda de 13,2% no período. Se no 1° trimestre de 2020 o milho foi o destaque de alta dentre as commodities avaliadas pelo Farmnews (clique aqui), na 1° quinzena de abril o cenário mudou completamente.

O Farmnews apresenta os dados de produção dos maiores países produtores de milho para a safra 2019/20. O USDA revisou em abril de 2020 os dados esperados de produção de milho no mundo e entre os principais produtores países na safra 2019/20. Clique aqui e confira!

Siga o Farmnews, o canal de notícias do agronegócio!

Exportação de milho caiu pela metade nos primeiros meses de 2020 was last modified: by