Mercado

Abate de vacas dispara em 2023: confira dados anuais desde 2010!

O abate de vacas em 2023 cresceu 23,9% em relação a 2022 e, incluindo as novilhas, o aumento foi de 26,6%.

O IBGE divulgou em março (14) os dados oficiais do abate de bovinos no Brasil no ano de 2023, confirmando a forte alta nas vendas de fêmeas frente aos anos anteriores (Tabela).

O fato é que após a forte retenção de vacas, especialmente nos anos de 2020 e 2021, resultado dos preços recordes do bezerro (clique aqui), o cenário se inverteu nos 2 últimos anos, com o abate de vacas alcançando o maior aumento relativo em 2023.

A Tabela apresenta os dados anuais do abate total e de vacas, em milhões de cabeças, entre os anos de 2010 e 2023 e a respectiva taxa de abate de vacas e de fêmeas, segundo dados do IBGE.

abate de vacas

O abate de vacas em 2023 somou 9,99 milhões de cabeças, dados oficiais, valor 23,9% maior que o praticado em 2022 (8,06 milhões de cabeças) e o maior patamar desde 2018.

O aumento do abate de vacas e novilhas contribuiu para o aumento do abate oficial total de bovinos no País que cresceu 13,7% frente a 2022, somando 34,06 milhões de cabeças e o maior valor desde 2013 (34,41 milhões).

A taxa de abate de vacas em 2023, em relação ao total de animais abatidos, foi de 29,3%, o segundo ano consecutivo de alta. Considerando o abate de vacas e novilhas, a taxa de abate de fêmeas foi de 41,6% em 2023, o maior patamar desde 2018 (Tabela).

Participe do nosso Grupo no WhatsApp Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Apenas no 4° trimestre de 2023 foram abatidas 2,52 milhões de vacas, o maior valor para o período desde 2013 (2,60 milhões de cabeças) e uma taxa de abate de 27,6% comparado total de animais abatidos (9,15 milhões de cabeças). Considerando o total de fêmeas abatidas nos últimos 3 meses de 2023 (3,56 milhões de cabeças), a taxa de abate ficou em 39,2%.

O Farmnews atualizou também os dados que mostram a evolução do preço corrigido do boi gordo entre janeiro de 2010 e fevereiro de 2024. Clique aqui e saiba mais!

Vale lembrar que o Farmnews atualiza, diariamente, os dados dos preços do mercado futuro do boi gordo (clique aqui), milho (clique aqui) e soja (clique aqui)!

Clique aqui e receba os estudos do Farmnews pelo WhatsApp!

Ivan Formigoni

Zootecnista, Fundador do Farmnews e interessado em fornecer informações úteis aos nossos leitores!

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo